segunda-feira, 19 de junho de 2017


Palestra motivacional retrata trajetória de jovem com paralisia cerebral

Sob a pele da palhaça “Birita”, a jovem Ariadne Antico, diagnosticada com paralisia cerebral, comanda a palestra “Muros e grades são invenções humanas”, que será realizada no próximo dia 28, às 19h30, no auditório Dom Bosco, no Jardim Esplanada em São José dos Campos. O evento tem entrada franca e faz parte da programação de cursos e oficinas da Associação de Apoio ao Deficiente Auditivo (AADA).
Ariadne narra sua trajetória de superação após o diagnóstico médico de que nunca conseguiria andar e falar. “De forma intensa, humana e engraçada, ela relata como transformou limites, dificuldades e crises em alegrias e realizações”, pontua a gestora de projetos da AADA, Erika Tirapeli.
A palestra ainda chama a atenção para o 3º Congresso Nacional sobre Surdez, que será realizado nos dias 20, 21 e 22 de julho, no Parque Tecnológico de São José dos Campos, cujas inscrições estão abertas (HTTP://congressolibras.com.br). A proposta é reunir profissionais renomados com o objetivo de abordar os avanços, paradigmas e novos conceitos relacionados à surdez, com enfoque na Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS), nos seguintes aspectos: cognição, intervenções médicas, inclusão escolar e cidadania.

Serviços: Espaço Cultural Dom Bosco (auditório do Instituto São José) – rua Clovis Bevilacqua, 735, Jardim Esplanada.